Skip to content

Sonhos Sonham-Joyce Damy Mobley

23/03/2010

ONDE OS SONHOS MORAM? JOYCE DAMY MOBLEY

Sonhos não moram
Mudam de cidades
Trocam compassos
Quando cansados, passeiam
Trocam realidades
Mudam os passos
Anseiam
Perdem-se em conformidades
De espaços entre espaços
Brincam
Tocam deformidades
Diapasões descompassos
Sonhos não moram; sonham…

(janeiro 2010)
A-hammm,

Joyce Mobley

Anúncios
15 Comentários leave one →
  1. 24/09/2010 9:31 pm

    Aii, meus sonhos…
    são tantos sonhos…
    eles palpitam dentro de mim…
    eles me fazem querer ser um tanto bem mais voraz…
    me dão vontade de gritar, de correr, de conseguir!!

    Há tanto ainda a realizar!
    Você sempre escrevendo coisas belíssimas…

    Abraços e Sucesso.
    da filha da Mãe…rs

    • 05/10/2010 1:25 am

      Mariana querida menina, sacalme…
      Cada dia é um sonho
      nem é preciso correr…
      Para se viver um sonho
      a bagagem é reconhecer
      realizar, ou realizá-los é resultado e não prerrogativa.
      Abraços de brisas perfumadas-Joyce

  2. 28/03/2010 10:57 pm

    Agora você simplificou e percebi sua preferência por Ratsel… Não deixe de falar de amor; é só uma questão de ampliar a visão e abrangência de amor.
    Amor é uma energia que temos dentro de nós, é nosso e inundamos de amor aqueles que amamos, também as coisas materiais que amamos, revestimos de amor o que nos cerca e o que nos fala ao coração. Falar de amor é ampliar os sentidos e direcionar o seu amor para o universo, para humanidade e assim você fala de amor sempre e com amor sempre, percebe? As pessoas, o universo, a humanidade precisa de energia de amor e de felicidade para contrabalançar tantas coisas menos bonitas que se espalham com a rapidez de relâmpagos.
    Você está no caminho certo…
    Abraços de brisas perfumadas,
    Joyce Mobley

    • Rätsel Ewig permalink
      28/03/2010 11:53 pm

      Depois dessas belas palavras, acho que tenho motivos o suficiente para escrever sobre amor por mais dois anos!
      Eu na verdade não tenho uma preferência… Ratsel Ewig foi um pseudônimo que eu escolhi, e as duas palavras me agradam igualmente.
      Falarei de amor e com amor sempre, afinal, o amor é algo que nunca paramos de procurar, mesmo quando acreditamos que o encontramos, certo? ^^
      Um abraço sincero,
      Ewig Ratsel

      • 29/03/2010 1:11 am

        Décadas de prática me ensinaram que não adianta tentar achar, tampouco procurar amor, ele SEMPRE nos encontra mesmo quando nos escondemos…
        Não é prefeito que Argos tenha que ter mil olhos para fazer a guerra, e Eros nos encontre quando escondidos? Uma só flechada contra mil olhos.
        O que significa Ratsel e Ewig? Meus pseudônimos são personagens que crio e brinco… Tomam conta de meus dedos e fazem a festa: Dra. Kié Kifoi Nuntô Nuntá… Nuntô Nuntá mesmo e não adianta procurar. Também tenho: Driel Greenwoods cuja fala é: Detesto deselegâncias… Ou: Aiiiii meus sais, chama uma ambulância para que eu possa desmaiar em paz! Você as verá por aqui, às vezes amanheço outras das muitas eus que sou.
        Abraços de brisas perfumadas,
        Joyce Mobley

        • Rätsel Ewig permalink
          30/03/2010 9:45 pm

          Rätsel significa “Mistério” (dentre outras coisas) e Ewig “Eterno”. A combinação certa em alemão é outra, mas foi dai que eu tirei o pseudônimo… Acredito que essas duas palavrinhas falam muito sobre mim, afinal, na maioria das vezes sou uma enigma que nem mesmo eu consigo resolver haha
          Agora fiquei muito curioso acerca de seus personagens. Eu definitivamente tenho que comentar mais, sempre leio o que os outros escrevem, mas quase nunca comento!
          Aguardo ansiosamente por seus pseudônimos,
          Ewig

          • 31/03/2010 4:58 am

            Que lindo significado!
            Em sua homenagem vou postar: Eternidade me assusta…
            Tive um Mestre, um filósofo, Doro Ortiz, que foi um dos fundadores da Universidade da Paz em Brasília;
            ele me dizia que Eternidade era meu nome, pois eu tinha tanto medo de ser Eterna, quanto de não ser Eterna…
            No trabalho que desenvolvíamos na época fui rebatizada de Eternidade.
            Não sei bem quando minhas personagens tomam meus dedos… Eu as criei para enfrentar o mundo…
            Já fui muito tímida, ainda sou, mas poucos podem perceber isso em mim, por que uso minhas personagens.
            Poderia ter assinado a resposta para Paulinha, ou Le, essa que está acima de você, como Driel Greenwoods…
            O poema irritado de hoje por ficar por conta Lady J, que esconde Fionna, que é metade ogro e metade princesa., lol!
            Lady J me foi dado por B. Briggs, um grande amigo e que me conhece muito bem.
            Às vezes entro nos comentários como elas, que é para deixar as pessoas menos loucas quando tentam me colocar algum rótulo…
            Fico sinceramente penalizada com a tentativa de me fazerem uma só, gargalhadas!
            Abraços de brisas perfumadas de todas nós…

  3. 28/03/2010 7:42 pm

    Oiiii Ewig!
    Já adotei Ewig por que até encontrar o trema…
    Realmente adorei o que você escreve; ainda não li tudo pq estou apanhando para compreender o esquema deste blog… Tenho a leve impressão de que já toquei o “barata voa” e deve haver uma forma mais simples de organizar isto.
    Li um poema seu e amei; depois li onde deixei o comentário. Você é de uma doçura e sensibilidade ímpar.
    Abraços de brisas perfumadas,
    Joyce Mobley

    • Rätsel Ewig permalink
      28/03/2010 9:08 pm

      Estou lendo o seu, aproveitando cada palavra e também seu bom gosto em música!
      Agradeço pelos elogios, espero crescer muito ainda, e quem sabe parar de falar tanto em amor, haha ^^
      Seu blog realmente é uma inspiração, fico feliz em ter a oportunidade de conhecê-lo.
      Um abraço sincero,
      Ratsel Ewig

      • 20/06/2010 5:10 pm

        SBRINGS, SBRONGS, SBRUNGS PRA VOCÊ!
        Sabe o que são sbrings, sbrongs, sbrungs?
        São palavras mágicas que me foram sopradas pelas brisas perfumadas; têm o poder de serem transformadas em qualquer coisa desde que se queira bem, e o BEM.
        Beijossssssssssssssssssssssss-Joyce

  4. Rätsel Ewig permalink
    28/03/2010 2:36 pm

    Obrigado por dividir toda sua sabedoria e gentileza comigo. Suas palavras são a mais pura verdade!

    Obrigado também por me mostrar o caminho para este magnífico blog. Dois presentes em um comentário só 🙂

    • 20/06/2010 5:12 pm

      Faço minhas as suas palavras, pois passear pelo seu blog não deixa nada a desejar.
      Abraços de brisas perfumadas.]
      A-hammm
      Joyce Mobley

  5. Paulinha permalink
    24/03/2010 1:10 am

    Quando cansados, passeiam
    Trocam realidades
    Mudam os passos
    Anseiam…

    Beijos parabéns pelo novo blog ficou lindo e suave!

    • 26/03/2010 2:46 am

      Pura verdade…
      Acabei de trocar realidades
      Mudando meus passos
      Em espaços entre espaços
      Beijosssssssssssssss,
      Joyce Mobley

Trackbacks

  1. uberVU - social comments

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: